Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Smarh e Fundação Enore assinam contrato para capacitação de servidores do Departamento de Patrimônio do Estado

Publicação:

Reunião
Smarh e Fundação Enore assinam contrato para capacitação de servidores do Departamento de Patrimônio do Estado - Foto: Diego Soveral Ascom/Smarh

A Secretaria da Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos (Smarh) e a Fundação Escola Notarial e Registral do Rio Grande do Sul (Fundação Enore), assinaram, nesta semana, um contrato para a realização de cursos registrais e notariais destinado à qualificação e aperfeiçoamento dos servidores do Departamento de Administração do Patrimônio do Estado (Deape). O documento, que foi assinado pelo titular da Smarh, Raffaele Di Cameli; pelo presidente da Fundação Enore; Ricardo Guimarães Kollet, e pelo presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, João Pedro Lamana Paiva, abordará conceitos e normas aplicáveis aos imóveis públicos estaduais.

Segundo o secretário Di Cameli, o acordo firmado está dentro da linha de gestão da Smarh. “A partir do que nos prontificamos a fazer, seguindo um critério de projeto de Estado. Esse tipo de iniciativa é parte do que sempre incentivei aqui. Todos nós queremos nos reportar à secretaria, daqui um ano ou dois, e encontrar um ambiente receptivo para que as coisas possam acontecer”, relatou. 

Na ocasião, Paiva elogiou a gestão da Smarh e o resultado do projeto. “Vi nascer este trabalho que está sendo concretizado hoje. Com isso quem ganha é o povo do Rio Grande do Sul, porque foi montada uma secretaria com um futuro muito grande, que pode render ativos para o Estado”, destacou.

O curso capacitará os agentes atuantes na matéria e contribui para a melhoria da gestão do patrimônio imobiliário do Estado, sendo este um treinamento personalizado. Dentre as justificativas da Smarh para a realização da capacitação, está o fato do Estado ser proprietário de diversos imóveis, mas muitos dependentes de regularização, precisando de escrituração, registro, averbações e outros serviços que são realizados nos ofícios notariais e registrais.

Também participaram do ato a diretora do Deape, Vânia Kmanackfuss Gonçalves, a chefe da Divisão de Escrituração e Contratos do Deape, Daniela Beling e a gestora da Fundação Enore, Astrid Muller.

O curso será dividido em quatro módulos, com turmas de até 50 participantes e uma carga horária de 63 horas, com um módulo por semana. As aulas ocorrerão no auditório da Fundação Enore (Rua Cel. Genuíno, nº 421, sala 302, Porto Alegre / RS), com início no dia 03 e término no dia 07 de dezembro.

Secretaria de Modernização Administrativa e dos Recursos humanos